quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Manutenção de Jardins em Condominios



Jardins bem conservados e mantidos valorizam o condomínio, e seu  patrimônio financeiro e convívio social.

A falta de uma manutenção adequada podem, comprometer toda a estrutura, do condomínio. Principalmente  nas garagens.

Ocasionando uma grande despesa e ônus para o condômino.

Abaixo algumas dicas para ajudar na manutenção do seu jardim e áreas ajardinadas do condomínio.
Certifique-se, que algumas destas regras estão sendo seguidas. Oriente e confira junto à empresa que faz a manutenção.

Rega
As orientações do nosso paisagista arquiteto:

·         As plantas expostas ao sol podem ser regadas de uma a duas vezes por semana. É importante observar, se o solo realmente esta molhado ou apenas a superfície. Para que isso seja verificado, pelo menos uns 4 a 5 cm de terra devem estar bem úmidos.

·         Vasos internos não exigem tanta água, em média usasse, meio litro de agua, . A não ser que a terra esteja completamente seca. Verifique com o toque, diretamente na terra, se esta se encontra, úmida (ñ precisa molhar) ou seca. (molhar moderadamente)

·         No verão, na primavera e em períodos mais quentes, as plantas devem ser regadas em dias alternados. De preferencia, ao entardecer ou logo pela manha. Nas estações mais frias, elas devem ser regadas com menos frequência. 

Manutenção
·         O jardineiro deve estar sempre atento às plantas daninhas. Elas podem ser removidas por inteiro.
·         A terra precisa ser adubada de duas a três vezes por ano. Plantas e forrações, exigem tipos de adubação diferenciada.

·         Por isso, procure orientações com profissionais para não errar no adubo e a quantidade. 
·         Quando necessário, é importante que um profissional especializado, faça a verificação, de fungos e pragas. Para que seja aplicado o defensivo correto. Na quantidade e período correto.

·         A poda, também exige cuidados e conhecimento técnico, já que feito erroneamente,  pode-se levar a planta à óbito. O ideal é que sejam podados por um jardineiro com vasta experiência. Já os buxinhos, murtas ou plantas arbustivas, podem ser podados com mais frequência e sem grandes riscos.

·         Não introduza novas plantas sem a avaliação do paisagista ou responsável pela manutenção.  Plantas crescem  para cima, e para baixo. O tamanho e o tipo da raiz podem trazer grandes prejuízos à estrutura dos prédios.
·         A manutenção nos jardins em condomínios comerciais ou residenciais, deve ser feita pelo menos uma vez por mês.

·         O inverno é a estação climática do ano que exige alguns cuidados. Um deles, é a cobertura dos gramados devendo ser cobertos com substrato, terra mista ou areia. Para manter a umidade e fortalecer o sistema radicular.

·         Entre junho e julho deve ser a adubação química específica para cada espécie.

·         Sempre é necessária a renovação da quantidade de matéria orgânica do solo, bem como a correção de possíveis irregularidades e reposição de algumas espécies, para que o jardim fique sempre mantido conforme a implantação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário